GABRIELA ROMEU

 

Gabriela Romeu

Escritora, documentarista e pesquisadora da infância, há mais de vinte anos desenvolve projetos que criam pontes entre realidades e infâncias. No jornal Folha de S.Paulo, editou o caderno Folhinha e coordenou o projeto Mapa do Brincar, vencedor do Grande Prêmio Ayrton Senna de Jornalismo (2010). Atuou na crítica do teatro infantil e escreveu sobre literatura e cinema, sempre integrando também diversas comissões voltadas à produção cultural para a infância. É autora de livros que recontam o real e o imaginário das infâncias brasileiras, tais como Tutu-Moringa – História que Tataravó Contou (Companhia das Letrinhas; selo Altamente Recomendável FNLIJ), Terra de Cabinha (editora Peirópolis; Prêmios Jabuti 2017, Cátedra Unesco e FNLIJ), Lá no Meu Quintal (editora Peirópolis; Prêmio FNLIJ e finalista Jabuti), Menininho (editora Panda Books; finalista Jabuti) e Irmãs da chuva (editora Peirópolis), que acaba de ser publicado. É roteirista e diretora de documentários que abrem janelas para o exercício de ser criança no país. É curadora de exposições e instalações que circulam em diferentes espaços culturais (Sescs, festivais e eventos de institutos), levando os inspiradores saberes, fazeres e viveres das crianças para amplo público. É uma das idealizadoras do Infâncias, projeto que documenta a vida das crianças em diferentes lugares do país.

 

Ligação complete

 

VOCÊ SABIA QUE A ARTISTA ESTÁ COM A EXPOSIÇÃO TRAVESSIAS NA CASA DIÁLOGOS ?

 

Em tempos de tantas travessias, são muitos os chamados para aguçar outros sentidos – tatear vestígios e identidades, ouvir nossas ancestralidades, vasculhar memórias às vezes um tanto fugidias. Este é também o convite (e o ofertório) desta pequena mostra em Travessias, que reúne ilustrações, fotografias, sonoridades e outros (in)ventos inspirados nas andanças por muitos Brasis, a partir dos inventários poéticos de Gabriela Romeu, autora de obras que criam pontes entre infâncias, realidades e imaginários. Para celebrar o lançamento de seu novo livro, Irmãs da chuva (editora Peirópolis), uma jornada de duas heroínas pelas encantarias dos rincões do país ilustrada pela artista Anabella López, esta mostra incursiona pelos registros e pelas criações de processos investigativos-artísticos cujo ponto de partida (e de chegada) são os saberes de infâncias tão longe, tão perto e de sertões tão reais e tão fantásticos.

Agende uma visita com seu grupo de amigos ou de escola com a Sara pelo email: sara.dialogos@gmail.com

 

CONHEÇA MAIS SOBRE OS PROJETOS DA ARTISTA

 

E nosso blog você encontrará o texto Escola no Quintal que aborda os aprendizados das crianças pelos quintais no Brasil.

No site do projeto Infâncias, encontrará as narrativas das crianças em muitos quintais e Brasis. 

              No jornal Folha de S.Paulo, em 2009, os brincares de crianças de norte a sul do país são apresentados no Mapa do Brincar. O projeto é um grande acervo da cultura da infância no início do século XXI.

Com Renata Meirelles, dividiu a curadoria da exposição Trilhas do Brincar, um grande quintal com mais de 2.000 metros quadrados, um espaço para encontrar e brincar. A mostra rodou três unidades do Sesc-SP e foi acessada por mais de 500 mil pessoas.

Em parceria com Marlene Peret, é autora de uma série de reportagens que abordam os quintais do país no jornal Folha de S.Paulo: 

 

Colaborou com Adriana Friedmann para a criação do Mapa da Infância Brasileira, em que articularam diferentes grupos da área e criaram publicações.

Entre os documentários produzidos para criar pontes entre infâncias, destaca-se Meninos e reis, um curta-metragem premiado em festivais que traz as tradições de um brinquedo popular das infância no Ceará, o reisado. Assista:

 

As narrativas das infâncias também viram instalações como Na rua dos meninos, que nasceu de um projeto de escuta sobre as infâncias na cidade de São Caetano do Sul

Terra de Cabinha é resultado de uma pesquisa de mais de dois anos pelo Cariri cearense. Vencedor de diversos prêmios, como Jabuti, Cátedra Unesco e FNLIJ, o livro já se desdobrou em instalação, foi adotado para mais de 80 mil crianças do país por meio de edital e agora inspira a montagem de um espetáculo teatral. 

Temos esse livro em nossa livraria, para saber mais sobre o livro:

 

No canal do Infâncias no Youtube, é possível conhecer mais do universo das crianças do Brasil profundo em séries como a do livro Lá no meu quintal - O brincar de meninas e meninos de norte a sul do país:

 

 

Participou como convidada do projeto Tecendo Saberes, de Marie Ange Bordas, e escreveu em parceria com as crianças da aldeia São Vicente, no Acre, o Manual da Criança Huni Kuin, que traz os saberes dessa etnia.

Clique aqui e conheça

 

 

Ligação complete

 

QUER COMPRAR LIVROS DE GABRIELA ROMEU?

 

Temos em nossa livraria!

terra de cabinha    lá no meu quintal

 menininho    álbum de família

 

Ligação complete

FOTOS DA EXPOSIÇÃO TRAVESSIAS

NA CASA DIÁLOGOS

1-1
4-3
3-3
6-2
5
2-3
7-3
DSCN1385