MANOEL DE BARROS

 

Manoel nos convida a voltar os olhos às pequenezas cotidianas, e nos lembra com delicadeza que "a maior riqueza do homem é sua incompletude". Este poeta que entendia a linguagem dos passarinhos completaria 104 anos neste 19 de dezembro. Como ele mesmo nos ensinou, “o ser biológico é sujeito à variação do tempo, o poeta não”.

Por isso, dedicamos esta página a este grande homem que não perdeu seu olhar infantil sobre o mundo, nos resgatando a partir de suas pílulas de sabedoria. Um poeta para consumir devagar, com tempo e  reverenciando um olhar demorado para as coisas singelas da vida. 

ÍCONE CONSTELAÇÃO 

Conteúdos para ler, ver e se sentir abraçado 

 

 

260x365_519eb8a2f096dSó Dez Por Cento é Mentira é um original mergulho cinematográfico na biografia inventada e nos versos fantásticos do poeta sulmatogrossense Manoel de Barros.

Alternando sequências de entrevistas inéditas do escritor, versos de sua obra e depoimentos de “leitores contagiados” por sua literatura o filme constrói um painel revelador da linguagem do poeta, considerado o mais inovador em língua portuguesa.

Procurando resignificar às “desimportâncias” biográficas e à personalidade “escalena” de Manoel de Barros o diretor Pedro Cezar, responsável pelo roteiro e pela narração, pontua o filme com momentos de breves testemunhos ao fundo, como fizera em seu primeiro longa metragem, Fabio Fabuloso. Narrado na maior parte das vezes em tom pessoal o filme busca, sobretudo, “uma voz que aproxime-se da simplicidade e da afetividade do personagem e que se afaste da soberba e da pretensão de uma análise teórica sobre poesia no idioleto manoelês”. 

Clique aqui para assistir 

 

ÍCONE CONSTELAÇÃO

 

CONHEÇA A OBRA DE MARTHA BARROS

 

Martha Barros, filha de Manoel, durante muitos anos ilustrou as palavras do pai.

Você conhece as Iluminuras de Martha? Espie só!

http://www.marthabarros.com.br/

 Iluminuras

 

ÍCONE CONSTELAÇÃO

 

OCUPAÇÃO MANOEL DE BARROS 

 screenshot-www.itaucultural.org.br-2020.11.26-14_44_15

De 13/02 até 07/04 de 2019 o Itaú Cultural recebeu a exposição 'Ocupação Manoel de Barros'. Linda de viver! Nós fomos conferir de pertinho. No link abaixo você terá acesso às fotos dos materiais expostos e o catálogo oferecido, além de vídeos. Confira! 

https://www.itaucultural.org.br/ocupacao/manoel-de-barros/

 

ÍCONE CONSTELAÇÃO

As palavras de Manoel fazem morada em páginas e páginas de diversas obras. A gente indica algumas que aquecem o nosso coração.

 

2-2

  1. Cantigas por um passarinho à toa

    Clique aqui para comprar em nossa livraria



1
Escritos em verbal de ave


 

 

3-1
Menino do Mato


Clique aqui para comprar em nossa livraria

 

4-1
Memórias Inventadas


 

manoelismos instagram

Manoelismos

 

No Instagram a gente indica o perfil @manoelismos. Vale acompanhar!
Um perfil dedicado ao poeta das despalavras & dos inutensílios. 

 

Visitar perfil

crianceiras

Crianceiras

 

Você conhece o trabalho de Márcio De Camillo? Ele é responsável pelo grupo Crianceiras. Márcio musicou diversas poesias de Manoel e o resultado é este abaixo. Separe os seus fones de ouvidos e se entregue.



Ouvir

 

passava-os-dias-ali-1

Lá vem Manoel de Barros

 

Ele é nascido Manoel Wenceslau Leite de Barros, em 19 de dezembro de 1916, e não morrerá jamais. É esse Manoel de Barros, o poeta do pós-modernismo brasileiro que colore os nossos ouvidos e brinca com as palavras. Nascido e recriado no pantanal, colheu do chão de pequenezas sua grandiosa obra. Quem não deseja ser afetado por sua leitura, que não o leia. Mas se um dia desejar aproximar-se de seus escritos, por automático se fartará de poesia, bichos, chão, estranhamentos e muito, muito encantamento.

 

Continue lendo

 

Visite também nossa página especial sobre o centenário de Clarice Lispector

Clique aqui para acessar