O desenho e as narrativas verbais das crianças

avatar Eduardo Ferreira - 09 de Novembro de 2021

o desenho e as narrativas verbais das crianças

A importância do desenho

 

Desenhar é entregar-se às possibilidades materiais, para comunicar-se em sentimento, pensamentos e em arte. E não estamos a falar exclusivamente dos desenhos profissionais ou de artistas já consagrados. Toda produção gráfica oriunda das crianças tem sua força artística. 

A partir do momento em que elas tem acesso aos materiais percebemos que é quase instintivo seu desejo de desenhar. O fascínio que as crianças demonstram pelos primeiros traços lançados vão robustecendo sua relação de afeto com suas próprias produções.

E não se trata simplesmente de uma atividade com intenções motoras. Certamente que com o passar do tempo e com a prática constante os traços vão ganhando maior refinamento. Entretanto existe importância vital na construção do processo criativo das crianças.

A partir desta premissa é que devemos estar sempre atentos às ofertas de materiais que possibilitem diferentes experiências com variedades de texturas, cores, tamanhos, formatos, temperaturas, fissuras, sulcos, permeabilidades.   

Clique aqui e leia mais sobre isso.

 

As narrativas verbais

 

Para a Fonoaudiologia, a verbalização é, em resumo, o exercício organizado de emissão de voz somado às articulações variadas entre lábios, língua e palato com intenção de comunicação. Ou seja, verbalizar é uma forma de se expressar ao mundo ao seu redor.

Este processo se inicia nas crianças por volta dos 12 meses de idade e vai se tornando cada vez mais enriquecido na medida em que encontra compreensão e efetivo resultado em suas manifestações.

Com o passar do tempo a criança passa a formular construções verbais mais complexas, passando das palavras às frases e, desta forma, dando mais vigor quantitativo e qualitativo à sua comunicação com o mundo que habita e descobre.

 

O feliz encontro entre o desenho e as narrativas verbais

 

desenhos

Quando a criança traça sua narrativa verbal a partir de seu desenho ela está, em verdade, tecendo uma rica trama de aprendizagens, um encontro mágico entre o sensorial, o emocional, o linguístico, o cognitivo, o imaginativo, o criativo, o social e o cultural.

O exercício do desenhar livremente se encontra com a ludicidade e a criatividade tão presentes na infância. O resultado, na maior parte das vezes, é uma linda construção poética. 

Mas é preciso que se diga, existe uma relação muito direta entre as possibilidades e as disponibilidades, ou seja, o melhor aproveitamento tem estreita ligação com a qualidade dos materiais escolhidos pelos educadores a serem ofertados.

O livro “Mosaico de traços, palavras, matéria” de “Reggio Children” e Escolas e Creches da Infância de Reggio Emilia”, recém lançado pela editora Penso e que compõe o kit do mês de novembro da DIÁLOGOS EMBALADOS, é um precioso mosaico desta rica relação de aprendizagem.

A obra é composta de representações gráficas de crianças entre 0 e 6 anos das escolas de educação infantil de Reggio Emilia, com abordagens sobre a importância do desenho, da explicação verbal das crianças. 

São relatos cuidadosamente pensados e organizados para aprimorar o processo criativo das crianças, provocado pela subjetividade dos instrumentos e suportes. Decorrentes disso, o surgimento das narrativas verbais que se originam do conhecimento ligado ao fazer.

A mostra “Mosaico de traços, palavras, matéria foi instalada nos anos de 2013 e 2014 e destinada à formação de professores, atelieristas e pedagogistas, tinha como temática desenho e narrativa como uma potencialidade na construção de conhecimento.

Este livro está disponível aos assinantes do clube de leitura Diálogos Embalados e você pode se associar em nosso site.

O quanto podemos enriquecer nossas práticas diárias a partir do conhecimento e reconhecimento da importância dos desenhos somados às narrativas verbais? O que posso oferecer às crianças para que isso seja desencadeado nelas e, consequentemente,  registrado por nós?

Acredite! A construção destas ricas possibilidades vivenciadas no cotidiano das escolas de Reggio Emilia podem ser experimentadas em nosso próprio chão de escola. Vamos falar sobre isso?

Divida conosco sua experiência.

 

Reunimos em nosso site indicação de conteúdos e referências para você que, assim como nós, tem admiração pela abordagem de educação de Reggio Emilia!

Clique aqui para acessar

De professor para professor, Dicas de leitura, Embalados

Comentários